[Valid Atom 1.0]

quarta-feira, 16 de junho de 2010

OS MAIAS ,Castro Gomes rumo ao Brasil



๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Na Forma da Lei : Primeiro episódio: ‘Justiça tardia’

video

Justitia quae sera tamem. A mensagem na lápide de Eduardo Moreno (Thiago Fragoso) traduz o fio principal da história do seriado Na Forma da Lei, que tem autoria de Antônio Calmon e direção de núcleo de Wolf Maya. Eduardo é covardemente assassinado e o culpado, filho de um político influente, permanece impune. Os cinco amigos do rapaz, que presenciam o homicídio, querem fazer justiça, ainda que tardia. A promotora Ana Beatriz Tavares de Macedo (Ana Paula Arósio), o juiz Célio Rocha (Leonardo Machado), o advogado Edgar Mourão (Henri Castelli), a delegada Gabriela Guerreiro (Luana Piovani) e o jornalista Ademir Rodrigues (Samuel de Assis) se reencontram anos depois e acreditam que ainda podem fazer Maurício (Márcio Garcia) pagar pelo crime que cometeu.

Rafael-Maia-TVGlobo

“Participei de uma cerimônia de formatura de uma universidade em 2004 em que a turma dedicou a celebração a um colega assassinado em um dos primeiros períodos de faculdade. Isso ficou marcado em mim e, desde então, penso em escrever este seriado”, conta Calmon. “Acho esta história uma obra-prima. Os personagens têm verticalidade, a história tem ação e também psicologia. O projeto, mesmo que em um universo árido policial, tem uma estrutura dramatúrgica muito interessante”, completa Wolf Maya. Na Forma da Lei tem oito episódios e estreia na terça-feira, 15 de junho, logo após “Casseta & Planeta, Urgente!”.

A cada episódio, uma cartela de crimes acontece, muitos deles de certa forma ligados ao grande vilão da trama, Maurício Viegas. Os cinco amigos justiceiros intervêm nas investigações e desencadeamentos desses crimes, tentando vingar a morte de Eduardo. “Maurício é filho de uma pessoa que não tem limites. É apaixonado doentiamente por uma mulher que não foi dele, Ana Beatriz. E por conta desse amor que tudo acontece. Os cinco justiceiros não são heróis individuais. Eles representam a formação de um pensamento de resistência à impunidade vinculada ao poder”, explica Wolf Maya.

No entanto, embora a trama de todo o seriado envolva a corrida por tentar punir Maurício, as histórias dos episódios são independentes, com começo, meio e fim. E, para rechear a narrativa dos casos, cada capítulo conta com participações especiais de peso, como as atuações de Eva Wilma (Dra. Waldrida), Hugo Carvana (Jorginho), Othon Bastos (Governador), Osmar Prado (Lopez) e Paulo José (José Pedro), entre outros.

Ao todo, são cerca de 80 atores, entre elenco fixo e participações especiais, em todos os oito episódios. Como diz Wolf Maya, o seriado “é um projeto cinematográfico, feito com a rapidez da televisão”. São 243 cenas feitas em 40 dias de gravações externas e 171 cenas em 20 dias de estúdio na Central Globo de Produção, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. A linguagem é ágil, imprimindo ritmo com dramaticidade às cenas.

A trama é ambientada no Rio de Janeiro, mas o seriado mostra outra versão da cidade. “É um Rio sem muita praia, sem sol, sem Corcovado. Mais noturno e urbano. Esse é um projeto ácido, com pitadas de melancolia. A trilha sonora, por exemplo, não tem muitas músicas, tem mais trilhas incidentais”, conta Wolf Maya. Os cenários contribuem com a estética dramática de Na Forma da Lei. As cores predominantes das locações são mais escuras e frias. O mesmo acontece com o figurino e caracterização, que trabalham com um tom abaixo e optam por um visual quase documental. A ideia é exibir uma nova interpretação fotográfica do Rio de Janeiro, palco do seriado. O tom solar não se encaixa nesta concepção, que trabalha com uma paleta de cores reduzida.

Na Forma da Lei tem autoria de Antônio Calmon, com colaboração de Leandra Pires e Guilherme Vasconcellos, e direção de núcleo de Wolf Maya, com direção de Emerson Muzelli e Miguel Rodrigues.


Renato-Rocha-Miranda-TVGlob

Renato-Rocha-Miranda-TVGlob“Justiça Tardia”, o primeiro episódio de Na Forma da Lei, começa em maio de 2003. Ana Beatriz Tavares de Macedo (Ana Paula Arósio) e Eduardo Moreno (Thiago Fragoso) comemoram o noivado em uma rave com os amigos da faculdade de Direito, Célio Rocha (Leonardo Machado), Edgar Mourão (Henri Castelli), Gabriela Guerreiro (Luana Piovani) e Ademir Rodrigues (Samuel de Assis). Os jovens conversam animados quando aparece Maurício Viegas (Márcio Garcia). Filho de um influente político envolvido em escândalos de corrupção, ele não esconde do grupo o quanto é obcecado por Ana Beatriz, de quem já foi noivo. Com atitude agressiva, Maurício começa uma briga com Eduardo. Os colegas conseguem interromper a discussão, mas uma emboscada é armada para o casal na saída da festa. Eduardo é atacado por Maurício e seus capangas e acaba morto. Os criminosos saem impunes.

Dois anos mais tarde, acontece a formatura dos alunos de Direito. Gabriela, oradora da turma, vai ao microfone e diz que os formandos dedicam a cerimônia a Eduardo Moreno, covardemente assassinado. Todo o auditório a aplaude. A partir de então, cada um dos colegas toma um rumo diferente na profissão: Ana Beatriz se torna promotora, Célio alcança a posição de juiz, Edgar trabalha como advogado no escritório de seu pai, um renomado profissional, e Gabriela vira delegada federal. Apenas Ademir não exerce a carreira, dedicando-se ao jornalismo.

Márcio-de-Souza-TVGlobo

Mais um avanço no tempo e a trama chega a setembro de 2010. Policiais investigam o assassinato de Denise (Ellen Roche), ex-modelo que era amante de Maurício. Ademir apura por conta própria o caso para uma reportagem e descobre, com a ajuda de Célio e Edgar, que foi Anselmo (Jackson Costa), capanga da família Viegas, quem cometeu o crime. Enquanto isso, Gabriela consola Ana Beatriz, que ainda sofre pensando no momento da morte de seu noivo, sete anos atrás. A delegada conta que ela, Célio, Edgar e Ademir se uniram para fazer justiça, mas que gostariam de poupá-la. Mas Ana Beatriz, apesar da fragilidade, insiste em participar na saga pelo fim da impunidade de Maurício.

Na Forma da Lei tem autoria de Antônio Calmon, com colaboração de Leandra Pires e Guilherme Vasconcellos, e direção de núcleo de Wolf Maya, com direção de Emerson Muzelli e Miguel Rodrigues. Não perca o primeiro episódio do seriado, que vai ao ar nesta terça-feira, 15 de junho



Créditos

Seriado de: ANTÔNIO CALMON

Colaboradores: GUILHERME VASCONCELOS, LEANDRA PIRES

Direção: WOLF MAYA, EMERSON MUZELI, MIGUEL RODRIGUES

Direção geral: WOLF MAYA

Elenco: ANA PAULA ARÓSIO, MÁRCIO GARCIA, LUANA PIOVANI, HENRI CASTELLI, LEONARDO MACHADO, SAMUEL DE ASSIS, LUIS MELO, ÂNGELA VIEIRA, CAROLINA FERRAZ, MAURÍCIO MATTAR, AILTON GRAÇA, MONIQUE ALFRADIQUE, ANDRÉ GAROLLI, OLIVETTI HERRERA

Participação especial: JOSÉ WILKER, PAULO JOSÉ

As crianças: DARIO DEL CARRO, MIGUEL ARRAES, VÍTOR COLMAN

Cenografia: MAURICIO ROHLFS, FUMI HASHIMOTO, TADEU CATHARINO, ANA MARIA MELLO, KAKÁ MONTEIRO

Cenógrafos assistentes: LIANE UDERMAN, FLAVIA YARED, MILTON DE BIASI, ANA CAROLINA REGIS, ELISA EMMEL, JORGE VIEIRA, CRISTIANE CARVALHO, ANDRÉIA LEITE

Figurino: RENALDO MACHADO

Figurinistas assistentes: PEDRO LACERDA, SHARI TORRES, FERNANDA GARCIA

Equipe de apoio ao Figurino: ELIANE MENDES, LUCIANO DAMASCENO, MARCELO GARCIA, JUREMA COUTINHO, ENI SANTOS, ALBY RAMOS, JESUÍNA NETA

Direção de Fotografia: ALZIRO BARBOSA

Direção de Iluminação: ALEXANDRE FRUCTUOSO

Equipe de Iluminação: RAFAEL FERNANDES, BRUNO SILVA, REINALDO BARROSO, LUIZ ANTONIO DO NASCIMENTO, WANDER PEREIRA, LUIZ ALBERTO SILVA FREITAS, ANTONIO PIMENTEL, BRUNO BRAGA, IVAN PEREIRA, LUIZ RIBEIRO DA SILVA, MARCELO HENRIQUE MELLO, FABIANO SIQUEIRA, JOSÉ LUIS DA SILVA, BRUNO ANDRE

Direção de Arte: MARIO MONTEIRO

Produção de Arte: MARCIA ROSSI

Produção de Arte assistentes: BIA PERDIGÃO, RICARDO CERQUEIRA, KATY JULIE, MARCELO VILLARES

Equipe de apoio à Arte: LEANDRO EUGÊNIO, STÉLIO ROSA DE ALMEIDA, FABIO LUIS MARTINS RIOS, RAFAEL LIMA

Produção de Elenco: MARCIA ANDRADE

Instrutora de Dramaturgia: CRISTINA BETHENCOURT

Produção musical: VITOR POZAS

Direção musical: MARIOZINHO ROCHA

Caracterização: LUIZ CAMARGO

Equipe de apoio à Caracterização: MATHEUS PASTICCHI, MARIA CRISTINA NORONHA, MARCOS CARNEIRO, MÁRCIA SPOSITO, ROSEMARI ÂNGELO

Edição: PAULO JORGE CORREIA, ANDRÉ CORREIA

Colorista: FERNANDO COSTA

Sonoplastia: KESNER PUSHMAN, JÉRÔME FERRAZ

Efeitos visuais: CLAUDIA MENDES

Efeitos especiais: MARCOS SOARES

Abertura: HANS DONNER, ALEXANDRE PIT RIBEIRO, ALEXANDRE ROMANO

Direção de imagem: RICO RONDELLI

Câmeras: LULA ARAUJO, PEDRO PAULO BRANCIFORTE, ALEXANDRE COUTO MIRANDA, ALEXANDRE ALVES TAVARES, JOVANI RIOS

Equipe de apoio à Operação de Câmera: LUIZ BRAVO, WILSON ORNELLA DE AZEVEDO, TARCISIO SALDANHA, IRAN GOMES

Equipe de Vídeo: ALEX GOMES, MANOEL TIBURCIO DE MEDEIROS FILHO, FERNANDO CANINDE MENDES DA SILVA

Equipe de Áudio: ALEXANDRE LINS, FLAVIO MARTINS, RICARDO MANFRINATO, IVAN JOSÉ DA CONCEIÇÃO, OTOMAR SOUZA, EDUARDO RODRIGUES NERY

Supervisor e operador de Sistemas: MARCO LOURENÇO, ROBERTO LUCAS, ADELTO MARTINS, GUASSALIN NAGEN, DANNYO ESCOBAR, MARCO CARDOZO, MARCELO MELLO, CARLOS FERREIRA

Produtor de cenografia: CLAUDIO CRESPO

Gerente de projetos: ALEXANDRE GAMA

Supervisor de Produção de Cenografia: EDGARD OLIVEIRA, FABIO DA SILVA GERALDO, EDSON GONÇALVES, FABIO RODRIGUES

Equipe de Cenotécnica: AGILDO GOMES CRUZ, ANDRE GEREMIAS, BENEDITO TEIXEIRA MARTINS, BRUNO DOS SANTOS MOREIRA, BRUNO SAMPAIO COUTINHO, CARLOS HENRIQUE MEDEIROS, CATIA OLIVEIRA ELOY MOREIRA, CLERISTON SAMPAIO AMORIM, DJALMA LUCIO DA CONCEIÇÃO, ELIEZER GOMES DE OLIVEIRA, EVERTON AUGUSTO NUNES, FÁBIO ALEXANDRE DO NASCIMENTO, FABIO JOSÉ DIAS FLORENCIO, GENECY FRANCISCO LEAL, HAROLDO DOMINGOS ARAGONES FARIAS, JOÃO BATISTA DE ARAUJO MARIA, JOELSON CESAR ARAÚJO, JORGE LUIZ BAPTISTA PESSOA, JOSE EUCLIDES DE OLIVEIRA, JÚLIO CESAR FERREIRA DA SILVA, KEITIUCE BRITO DOS ANJOS, LEONARDO DIAS FERREIRA, LUCIA JARDEL, LUIS ANTONIO PEREIRA DA SILVA, MARCO ANTONIO CARDOSO NASCIMENTO, MARCO VINICIUS GOMES, MARIA ARLETE NASCIMENTO CIMBRA, MICHEL SANTOS LISBOA, NORIVAL GOMES DUARTE, PAULO SERGIO ALVES TEIXEIRA, REGINALDO A. RODRIGUES, RONALDO DA SILVA ALVES, SEBASTIÃO CAMILO LEITE, SEBASTIÃO FERRAREZ ALMEIDA, SIMONE OLIVEIRA ELOY MOREIRA, VALMIR UBIRAJARA OLIVEIRA DO MONTE

Continuidade: RENATA RODARTE, RENATA PORTO

Assistentes de Direção: RODOLFO GIANNOTTI, CADU FRANÇA, RAI JUNIOR

Produção de Engenharia: MARCELO FERNANDES

Equipe de Produção: ADAILZA ALVIM, JOÃO PEDRO ZINCONE, LEONARDO TRAJANO, LUIS CARLOS JOVITA, LUNA FERRARI, TATYNNE LAURIA, VANDERLEI SILVA

Coordenação de Produção: LUIZ CARLOS MENDONÇA, WILSON GERARDO

Gerência de Produção: ALEXANDRE SCALAMANDRE

Direção de Produção: ALUIZIO AUGUSTO, MÔNICA LÚCIA

Direção de Núcleo: WOLF MAYA


๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Na Forma da Lei : Primeiro episódio: ‘Justiça tardia’

video

video
video
video
video
video

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Morumbi está fora da Copa 2014

Nota no site da entidade confirma que estádio do São Paulo não faz mais parte dos planos para 2014. Arena da Baixada segue ameaçada

Por GLOBOESPORTE.COM Direto de Joanesburgo, África do Sul


morumbi 2014Projeto para o Morumbi/2014 está descartado

A CBF divulgou, às 13h42m desta quarta-feira, em nota publicada em sua página oficial, que o Morumbi está fora do Mundial 2014. Segundo a nota, o Comitê Organizador Local da Copa de 2014 não recebeu do Comitê da Cidade de São Paulo as garantias financeiras do projeto que havia sido aprovado pela Fifa no dia 14 de maio. Por volta das 14h15m, a CBF retirou de sua página principal o link para a notícia - que continuou, porém, publicada, como você pode conferir aqui. Por volta de 15h, a nota voltou a ser chamada na página principal

A entidade retirou o link enquanto esperava uma posição oficial da Fifa para sacramentar a exclusão do estádio. Por volta das 17h, o presidente da CBF Ricardo Teixeira disse, em entrevista à TV Globo, que o comitê espera o projeto de uma nova arena para que São Paulo faça parte da Copa.

Na segunda-feira, o São Paulo havia apresentado as garantias financeiras para realizar obras no Morumbi para a Copa de 2014. No entanto, o clube não adotou o projeto completo, que custaria em torno de R$ 630 milhões e acataria todas as exigências da Fifa. O Tricolor apostou em um plano mais simples, com custo total de R$ 265.423.497. Porém, o Comitê Local informou que não vai analisar o novo projeto. O ministro dos Esportes, Orlando Silva, disse que São Paulo não está fora do Mundial.

- Fico triste que a novela do Morumbi tenha esse desfecho, depois de meses de debate, meses de projeto e de um esforço que o governo fez para viabilizar o orçamento. É inexplicável a situação de São Paulo, a maior cidade do Brasil. Agora a palavra é do comitê paulista, que tem de arrumar uma alternativa para não ficar fora de um evento que vai mobilizar o país – disse o ministro do Esporte, Orlando Silva.

Comunicado CBF MorumbiO comunicado sobre a exclusão do Morumbi no site oficial da CBF (Foto: Reprodução)

O ministro disse ainda que vai aguardar a reação do comitê paulista sobre o assunto.

- Vou ter uma conversa com o Comitê Local, o Ricardo Teixeira e a Fifa para analisar, mas é evidente que a manifestação da Fifa vai exigir um posicionamento do comitê paulista - acrescentou o ministro do Esporte.

Ele também negou que a Arena da Baixada esteja descartada, mas deu um alerta para o comitê paranaense e para o Atlético-PR.

- A diferença do Paraná para o Morumbi é que o projeto continua valendo. O problema lá é de viabilidade econômica. O prefeito e o governador me garantiram que há uma ideia de fazer naming rights (venda do nome do estádio para um patrocinador), mas o Atlético-PR não gostou. Quem pagar para ver pode ver demais. Curitiba precisa prestar atenção, tomar cuidado e encaminhar uma solução

Confira o comunicado oficial:

"Não foram entregues ao Comitê Organizador Local da Copa do Mundo 2014 (COL), por parte do Comitê da Cidade de São Paulo, as garantias financeiras referentes ao projeto do Estádio do Morumbi aprovado pelo COL/FIFA no dia 14 de maio de 2010.

O Comitê da Cidade de São Paulo enviou ao COL um sexto projeto, que não será examinado.

Sendo assim, fica excluído do projeto da Copa do Mundo de 2014 o Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Morumbi.

A FIFA e o COL estão à disposição da cidade de São Paulo para futuras discussões."



๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Drica Moraes é internada em São Paulo para transplante de medula


Plantão | Publicada em 16/06/2010

O Globo

Drica Moraes - Divulgação

RIO - A atriz Drica Moraes foi internada na segunda-feira no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde inicia uma nova etapa do tratamento contra a leucemia. Quatro meses após o diagnóstico da doença, ela se prepara para receber um transplante de medula óssea - cuja data não foi informada. As assessorias de Drica e do hospital afirmaram que não estão autorizadas a dar mais detalhes sobre o estado de saúde da atriz.

No dia 10 de fevereiro, Drica foi internada no Hospital Samaritano, no Rio, depois de sentir dores e enjoos. A atriz de 40 anos passou por uma bateria de exames até que foi confirmada a doença. Em abril, ela voltou a ser internada na unidade hospitalar, onde permaneceu por alguns dias. O último trabalho da atriz na televisão foi na minissérie "Decamerão - A comédia do sexo", na qual interpretava Tessa.



๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Luís Melo rouba a cena de Márcio Garcia na estreia de “Na Forma da Lei”


Foto: Divulgação/ TV Globo

Foto: Divulgação/ TV Globo

[TEXTO Camila Borowsky]

Ao ter o noivo assassinado pelas duras pancadas do ex, Ana Beatriz (Ana Paula Arósio) torna-se promotora procurando achar uma forma de fazer justiça. Mesmo frequentando as sessões de terapia e se concentrando na meditação, a moça ainda não consegue esquecer o dia em que perdeu o homem que amava e com quem sonhava dividir sua vida. Esse é o enredo da nova série policial da Rede Globo, “Na Forma da Lei”, que chega para substituir Murilo Benício e sua trupe de “Força-Tarefa” nas noites de terça-feira.

Quem esperava ver Márcio Garcia no papel de um perigoso serial killer pode ter se decepcionado. O galã global apareceu pouco e com frases superficiais. No breve resumo que Antonio Calmon fez de seu personagem, Mauricio Viegas, ele surge como um playboy debochado, um homem que não consegue se manter fiel à sua família e que faz qualquer coisa para conquistar seus objetivos – sempre sabendo que terá as costas quentes, protegido pelo pai, o senador João Carlos Viegas.

No papel do poderoso político surge o ator Luís Melo, que rouba a cena de Garcia ao interpretar seu papel com perfeição. No segundo bloco da trama, ele faz um longo discurso sobre como o herdeiro não poderia ter se livrado da amante, Denise Williams (Ellen Rocche), da forma mais suja possível – com um tiro na nuca. Assim como o final do primeiro episódio, em que ele confessa que Anselmo, seu fiel escudeiro (que acabou se enforcando na prisão após matar Denise) era, na verdade, seu filho.

Lágrimas de Crocodilo
Em sua volta oficial para a Rede Globo, Luana Piovani escorregou em exageros e clichês ao interpretar a policial Gabriela. A loira de curvas generosas até se esforçou para chorar na cena em que é a oradora de sua turma de formandos em Direito, mas não convenceu. As lágrimas simplesmente não rolaram na hora em que todos estavam esperando por um banho delas – a homenagem a Eduardo, o menino assassinado, que deveria estar recebendo o canudo junto com seus colegas. Ela de policial durona ou como uma esposa apaixonada (e ausente) também não conseguiu se fazer acreditar.

Elenco de peso
Apesar do pouco espaço que tiveram no primeiro episódio da série, o elenco da trama promete dar o que falar. Além do sucesso de Luís Melo, “Na Forma da Lei” ainda conta com Ângela Vieira, José Wilker e Aílton Graça – esse último no papel de um delegado corrupto – que sempre têm o poder de salvar qualquer promissora série da emissora carioca.



๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Microsoft Kinect to battle in videogame market



2010-06-15 10:31:09

Phil Spencer, corporate vice president of Microsoft Game Studios, speaks on stage during the Xbox 360 media briefing at the Wiltern theatre in Los Angeles June 14, 2010. Microsoft Corp christening its new motion-sensing game system "Kinect", on Sunday offered a sneak peek of upcoming titles it hopes will help draw a new generation of casual players into the 40 million-strong Xbox game console fold. (Xinhua/Reuter Photo)

BEIJING, June 15 (Xinhuanet) -- Microsoft Corp will begin selling its "Kinect" motion-sensing game system on November 4, media reported Tuesday.

Microsoft would not say how much Kinect -- which plugs into Xboxes and lets players control games with body and hand gestures -- will sell for, though analysts' estimates range from $50 to $200.

Microsoft Corp., seeking to re-energize sales in the videogame market, also unveiled a redesigned version of its Xbox 360 game console that is sleeker and smaller.

The new model increases the hard drive space to 250 gigabytes — twice that of the current one — and includes built-in Wi-Fi capability. Current Xbox models need an accessory to access Xbox Live and other online features wirelessly.

The redesigned device, expected to be available at retailers later this week, is smaller and "whisper quiet," says Don Mattrick, the company's senior vice president of interactive entertainment.

The new Xbox is "completely designed for the future of entertainment," he says.

The Microsoft unveiling is among the first of several expected from this year's E3 Expo videogame trade show from an industry that is counting on new hardware to rejuvenate sales.

On Tuesday, Nintendo Co. is expected to announce a new 3-D version of its DS hand-held device and Sony Corp. will likely show a slew of 3-D games and provide more details about its Move motion controller.

(Agencies)



๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Ultra-orthodox Jews, police clash over possible grave sites in Tel Aviv





2010-06-16 20:35:00

JERUSALEM, June 16 (Xinhua) -- An estimated 2,000 black-garbed religious Jewish protesters clashed with Israeli police in a violent riot at an archaeological site near a luxury apartment complex in Jaffa, south of Tel Aviv on Wednesday.

The group is protesting excavations of what they charge are possibly Jewish graves, they believe are buried beneath the area. They say that the graves should not be touched or moved, according to an interpretation of Jewish halachic religious law.

Protesters, shouting "Nazis!", burned Israeli flags and tires, and hurled stones at law-enforcement officials, who responded with tear-gas and batons. Police filled several waiting buses with protesters, who were taken in for questioning.

Five police officers and at least 15 protestors were injured in the clash, and were taken to hospital, according to Israel Channel 2 television.

One unnamed protestor told a reporter that the event was not a protest, but rather a "wail and cry to the heavens," against what they view as desecration of graves.

Police said the demonstration, which spilled out into a major avenue, was illegal, and arrested 15 protesters as of 2:30 p.m.

Police on horseback and foot repeatedly forced the crowds away from the site, and corralled them into a nearby park, in order to quell the protests.

Protesters attacked reporters and video crews who were covering the incident.

Haredi protesters have demonstrated at similar digs elsewhere in Israel, most recently at the site of a planned expansion for a hospital in Ashkelon.

The incident took place in the city's Ajami neighborhood.

The Ajami quarter is home to Jews, Muslims and Christians, and was the scene of a recent award-winning crime film of the same name.

The Jewish-Arab film-making team enlisted local residents, who played on-screen roles in the film.

Jaffa is a mixed Jewish-Arab city. Local Arab and Jewish residents alike have protested the gated Andromeda Hill apartment complex, charging that it would close off large tracts of land from the public use.



๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

'Não aguento mais fazer só as boazinhas', diz Gabriela Duarte


10 de junho de 2010

Por Dani Telles


Depois de 20 anos de carreira, Gabriela vê a chance de se livrar do estigma de personagens certinhos, melosos e chatos (Foto: Getty)

Aos 36 anos, Gabriela Duarte comemora seu primeiro papel cômico em novelas. Na pele da espevitada e possessiva Jéssica, de Passione, diz que fazer comédia é, acima de tudo, algo libertador. Depois de 20 anos de carreira, Gabriela vê a chance de se livrar do estigma de personagens certinhos, melosos e chatos, como a Maria Eduarda de Por Amor. Mais importante do que isso, a atriz finalmente decidiu se libertar de mamãe Regina.



"É claro que amo minha mãe, admiro muito sua trajetória profissional, mas chega. Tive que me dar um tempo, repensar o rumo que queria dar à minha carreira e tentar mudar", diz Gabriela, que já avisou: não quer mais homenagens e papéis parecidos com os de Regina.

Hoje, ela não aceitaria um convite como o de Luís Fernando Carvalho, que em 1995 convenceu-a a reviver a Ritinha de Irmãos Coragem, papel que fora de Regina em 1971. "O auge da simbiose foi em 1998, em Por Amor, quando trabalhamos juntas e em papéis de mãe e filha", arrepia-se.

Mais perto do público - É por isso que Jéssica tem feito tão bem à atriz. A oportunidade de fazer um trabalho diferente deu nova motivação à carreira e trouxe um contato mais estreito com o público, algo que ela atribui à comédia. "As pessoas ficam agradecidas quando alguém as faz rir. É uma cumplicidade bacana", comemora Gabriela, que tem na ponte-aérea Rio-São Paulo seu melhor termômetro de popularidade. "Desde a moça do cafezinho até a aeromoça, muita gente fala comigo, brinca e elogia a química, o fogo da Jéssica com o Berilo (Bruno Gagliasso)."

Esse é o lado bom da ponte-aérea. O difícil é que o aeroporto é a expressão da distância entre Gabriela e Manuela, sua filha de 3 anos com o fotógrafo Jairo Goldflus. A menina continuou em São Paulo, onde a família mora, enquanto a mãe vem gravar no Rio. Gabriela acha que está valendo a pena.

"Durante algum tempo achei mesmo que era pra me dedicar só a ela. E foi uma boa parada. Pude reavaliar um monte de coisas, ver o que queria e o que não queria mais na minha vida profissional. Agora Manu está maiorzinha, dá para eu ficar na ponte-aérea sem traumas."

Animada, Gabriela já pensa num segundo filho. Mas não neste momento. A prioridade é a nova fase do trabalho. Com Jéssica, a atriz quer mostrar que ator pode e deve fazer de tudo. "Quero ter a oportunidade de fazer coisas novas. E também não é porque sou filha da Regina (Duarte), porque tenho a voz parecida, o jeito parecido, que tenho que moldar minha carreira por isso. Não agüento mais fazer as boazinhas!", desabafa.



๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Márcio Garcia e elenco acompanham primeiro capítulo de "Na Forma da Lei"


Ator se reuniu com famosos na casa de Wolf Maya, no Rio de Janeiro

Ana Paula Bazolli

 Wagner Santos
Márcio Garcia levou a mulher, Andréa Santa Rosa, para assistir com elenco ao primeiro episódio

Márcio Garcia, que faz parte do elenco da produção global “Na Forma da Lei”, levou a mulher, Andréa Santa Rosa, para conferir o primeiro episódio da série, na noite de terça-feira (15). O ator se reuniu com o elenco na casa do diretor da trama, Wolf Maya, no Rio de Janeiro.

Antes de entrar, Marcio falou sobre seu novo papel. "Meu personagem é péssimo. Inescrupuloso. Raspei a sobrancelha pelo personagem. Tem até uma marquinha aqui”, disse ele, mostrando o local onde foi feita a marca.

Ele gostou do que assistiu. "Adorei o capítulo. Não tinha visto tudo e achei super bacana. Já comecei assim: matando um e encomendando outro. Foi um grande desafio. Sai de "Celebridade", um mauricinho michê; Depois, Bahuan em "Caminho das indias" e, agora, o super desafio que é alguém mau mesmo. Ainda faltam alguns dias de gravação que acaba dia 24."

 Wagner Santos
1- Henri Castelli e Fernanda Vasconcellos 2- Cris Vianna

Após as gravações de “Na Forma da Lei”, o ator contou que se dedicará a um novo trabalho. “Vou filmar em Nova York "Bed and Breakfast". Antecipamos as filmagens por causa da gravidez de Juliana Paes, que é protagonista do filme.”

Luana Piovani, que interpreta a delegada Gabriela, uma das personagens centrais de “Na Forma da Lei”, foi a primeira a chegar ao local. A atriz apareceu na mesma hora que Felipe Simão. Henri Castelli, que vive Edgar na série, e a namorada, Fernanda Vasconcellos, encontraram o elenco lodo depois. O casal entrou e saiu da reunião com pressa e evitou falar com a imprensa.

 Wagner  Santos
Fiorella Mattheis e Maurício Mattar

Monique Alfradique vive Nininha, esposa de Henri na trama. Ela também acompanhou com os colegas o primeiro episódio. "Assistir ao primeiro capítulo agora é mais uma emoção depois do jogo do Brasil", disse ela em referência ao primeiro jogo da Seleção Brasileira, que enfrentou a Coréia do Norte na estreia da Copa do Mundo.

A atriz interpreta na série um personagem que sofre com transtorno psicológico. Para o papel, ela contou que leu muitos livros de psicologia e precisou mudar o visual. "Agora repiquei mais um pouco e colori novamente. É a terceira mudança em três trabalhos ("Cama de Gato", "Cinquentinha"). Mas não tem problema nenhum fazer isso pela personagem."

Mauricio Mattar, Suzana Pires, José Wilker, Débora Olivieri e Oscar Magrini também estiveram por lá. Os convidados foram recepcionados com comida japonesa e pista de dança. Mais tarde, após o primeiro capítulo, Fiorella Mattheis se uniu ao grupo. “Assisti em casa. Adorei. Vim me encontrar com os amigos e curtir porque a festa vai ser boa.”

 Wagner  Santos
Suzana Pires e José Wilker

 Wagner Santos
1- Oscar Magrini 2- Monique Alfradique 3- Débora Olivieri


๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Luana Piovani e Felipe Simão saem juntinhos de festa


Casal, que esteve recentemente separado, curtiu junto noite na casa de Wolf Maya

Ana Paula Bazolli

 Wagner Santos/Revista  Quem
Luana Piovani e Felipe Simão partiram de festa de braços dados

Luana Piovani e Felipe Simão saíram juntinhos e de braços dados de uma festa organizada por Wolf Maya. O diretor reuniu alguns famosos em sua casa, no Rio de Janeiro, para acompanhar o primeiro episódio de “Na Forma da Lei”, que foi exibido às 22h50, na Globo. Após a apresentação da série, os convidados se divertiram em uma celebração com direito a pista de dança.

O casal foi um dos primeiros a chegar na companhia de amigos, por volta das 21 horas. De acordo com fontes de quem estava na festa, Luana e Felipe dançaram coladinhos, trocaram abraços e beijos no pescoço. " Eles estão juntos sim, todo mundo viu, mas sairão separados", disse outra fonte. O casal foi um dos últimos a sair do local, por volta das 4 horas da madrugada de quarta-feira (16) e partiu a bordo de um táxi junto com um amigo.

No final de maio, Luana acompanhou o Fashion Rio e, ao ser questionada sobre vida amorosa, chegou a dizer que se considerava solteira. “Estou solteira e não quero falar de bofe antigo”, disparou a atriz. No mesmo dia, Felipe também esteve no evento fashion, mas não foi visto com a atriz.

Wagner Santos/Revista  QUEM
O casal saiu do local em um taxi


๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters

Problema afeta circulação da Linha 5-Lilás do Metrô de SP


SPTrans chegou a ser acionada para atender passageiros.
Linha liga o Capão Redondo ao Largo Treze, na Zona Sul.

Do G1 SP


Um problema na Linha 5-Lilás do Metrô de São Paulo afetou a circulação de trens nesta quarta-feira (16). Segundo o Metrô, a situação foi solucionada e as composições rodavam normalmente às 7h15.

A SPTrans chegou a ser acionada para levar de ônibus os passageiros que utilizam a linha entre Capão Redondo e Largo Treze, na Zona Sul. A operação, porém, foi cancelada.

Segundo o Metrô, houve uma falha de transmissão na rede aérea de alimentação elétrica desde as 4h40, que fez os trens circularem em via única entre as estações Vila das Belezas e Capão Redondo.

"Por meio do PAESE (Plano de Apoio Entre Empresas Em Situação de Emergência), o Metrô solicitou à SPTrans que colocasse ônibus fazendo o mesmo percurso dos trens. Já à EMTU, o Metrô solicitou que as linhas que fazem integração nas estações Capão Redondo e Campo Limpo fossem transferidas temporariamente para a estação Largo Treze. Durante a ocorrência, os usuários foram informados sobre o problema pelo sistema de comunicação sonora das estações. Neste momento, todas as linhas do Metrô operam normalmente. O Paese já foi desativado e as linhas integradas da EMTU já operam nos terminais habituais do Metrô", informa a nota emitida pelo Metrô.

๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑๑۩۞۩๑


LAST

Sphere: Related Content
26/10/2008 free counters